Skip to content

Garotas orgulhosamente de família

17 março, 2008
by

Folheando a penúltima edição da revista The New Yorker, me deparei com este anúncio fofo:

kc_homepage2.jpg

(tradução livre: a frase principal é um trocadilho com sapatos, o produto anunciado, e quer dizer “nós todos somos diferentes”. Depois: “gays casadas, Joanna e Nicoletta Tessler, com sua filha, Ruthie”. E no final: “25 anos de pensamento não-uniforme”, referindo-se à idade da loja)

A Kenneth Cole é uma loja de sapatos de Nova York que apóia diversas causas legais. (Veja todas as campanhas aqui). Pode até ser um puta marketing, mas é uma demonstração de coragem, especialmente para uma empresa que tem as ações negociadas na Bolsa de Nova York, uma das mais sangrentas do mundo.

E outra: tem muita empresa por aí que não consegue se posicionar diante de questões importantes nem pelo retorno de imagem. Morrem de medo de ficarem tachadas disso ou daquilo, perderem negócios e clientes. Pode até ser que a Kenneth Cole tenha perdido clientes nessa, mas certamente ganhou muitos outros — as pessoas que estão mais interessadas em estar conscientes do que no que elas usam, como diz o slogan da Kenneth Cole (“To be aware is more importante than what you wear”).

A campanha foi notícia no site ProudParenting.com, dedicado a pais e mães gays. O texto que comenta que as protagonistas do anúncio – Nicoletta e Joanna, moradoras de Miami, Flórida -, estão juntas há dez anos e decidiram ter um filho a partir de inseminação artificial, a partir da doação de um banco de espermas. Ruthie, que hoje tem dois anos, poderá conhecer seu pai biológico quando fizer 18, se quiser. Isso está no contrato assinado pelas próprias mães e pelo doador.

A nota traz ainda este vídeo da família orgulhosamente só de garotas.

(Para quem não fala inglês, a tradução livre da mensagem do vídeo segue abaixo. Tem uma pequena parte faltando, porque esta que vos fala não conseguiu compreender, mas a idéia está toda aí :-))

– Eu sou a Nickie
– E eu sou a Jojo
Nickie: – E essa coisa deliciosa de 17 meses é a Ruthie, o amor da nossas vidas. Acho que eu e Jojo sempre tivemos o bichinho da maternidade, a família sempre foi muito importante para nós.
Jojo: – Nunca consideramos a possibilidade de não ter uma família, e decidimos que essa seria a maneira de realizar este sonho. Se não conseguissemos conceber, tentaríamos outras opções, mas essa foi nossa primeira alternativa e fomos muito sortudas, muito rapidamente. As pessoas não têm a percepção de como seria uma família com duas mães – ou duas mulheres. É legal mostrar ao mundo que a Ruthie está crescendo em um lar com mais amor do que ela poderia desejar.
Nickie: – Quanto mais velha eu fico, e especialmente com a Ruthie, mais acredito que temos a obrigação de fazer mais do que fazemos.
Jojo: – Quero que a Ruthie tenha orgulho de quem ela é, e que se sinta forte e segura e saiba que ela pode ser quem ela quer ser.
Nickie: – (…) É importante tentar ser verdadeiro para você, e encontrar as coisas que fazem você feliz e que traga alegria e amor porque, no fim das contas, a vida é tão curta e frágil e qualquer coisa pode acontecer. Então é importante aproveitar a vida.
Jojo – Eu não poderia estar mais feliz pela decisão que tomei, que nós tomamos, de criar uma família. Acho que o mundo só pode se desenvolver e progredir para um lugar melhor. Ainda há muito o que fazer, mas nós somos muito abençoadas.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: