Skip to content

Gays ganham direito à pensão por morte na Argentina

19 agosto, 2008

O governo argentino concedeu, aos casais gays, o direito de reivindicarem pensão em razão do falecimento de seus companheiros. Para obtenção do benefício, será preciso provar a convivência do casal durante pelo menos cinco anos.

O decreto nacional objetivando assegurar esse direito surge como um marco na Argentina. De acordo com o ativista gay Pedro Paradiso Sottile, “a medida é “histórica” e marca um “passo a frente” para os direitos humanos”.

Antes do novo decreto, o valor das pensões era direcionado para o próprio governo. “O Estado roubava o nosso dinheiro”, disse Alejandra Portatadino, também membro da Comunidade Gay Argentina.

Pedro Sottile diz que, agora, a meta da Comunidade Gay Argentina é concentrar os esforços em busca da nacionalização das uniões civis, a fim de garantir mais direitos aos casais homossexuais, inclusive possibilitando a adoção e a obtenção de herança.

___________________

Fonte: PinkNews.

One Comment leave one →
  1. Té Pazzarotto permalink*
    19 agosto, 2008 11:51 pm

    E toda a Am. do Sul segue “caminhando e cantando” enquanto o brasil permanece em casa… ¬¬

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: