Skip to content

Feliz ‘Adas Day

12 junho, 2009

dia dos namorados1

.

Estava pensando no que postar pro dia dos namorados, e todas as idéias caíram no mesmo lugar: poesias, cartas de amor, presentes, músicas melosas…
Daí pensei mais um pouco, deixei a preguiça de escrever de lado, a escolha da trilha do seriado também, e estou aqui me pondo a “dissertar de maneira quase dadaísta”…

Nessa data, sempre lembro dos meus desejos infantis/adolescentes de ter uma namorada. O beijo pra mim era um puta mistério, tudo que eu mais queria era saber a sensação de um lábio tocar o outro, e passava noites e mais noites dispersa imaginando mil coisas… Meus pensamentos sempre me fizeram adormecer dessa maneira… E renderam cada sonho.

Eu fui daquelas que realmente perdeu o ar antes do primeiro beijo e que quis fazer tudo à moda dos romances hollywoodianos. Flores, bombons, mil e um carinhos, cartas de amor, fazer uma música e tudo que estivesse ao alcance.

Obviamente, ou nem tanto assim, meu romantismo não resistiu a 4 relacionamentos e alguns envolvimentos. De repente, eu via a mim mesma como uma pessoa extremamente prática, que detestava melindres e dramas, que tinha praticamente “abolido” o ciúme da sua vida particular. E, justo quando eu mudei, me quiseram como eu era… (risos)

Acho fantástica a forma como os relacionamentos humanos vão moldando nossa verdadeira essência até nos tornarem pura casca… Os relacionamentos amorosos são, provavelmente, a principal causa… Afinal, existe pessoa que se aproxime mais de nossa intimidade do que uma namorada? Eu, pelo menos, desconheço.
Outra coisa incrível é que eles também reconstroem laços partidos. Fazem você aprender a confiar novamente, a acreditar que ainda existem pessoas que valem a pena, que te fazem voltar a sonhar…
A gente, no final das contas, só está esperando uma chance para ser amado. E até os mais descrentes, no fundo, devem admitir que se outro lhe fizer sorrir tudo pode mudar…

Seja como for, apaixonar-se, amar alguém nunca sai de moda… É a “invenção” mais duradoura e rentável da história. Mas não creio que o sentimento se importe…

“Falem mal ou falem bem, mas falem de amor”

ps: Sabe uma coisa engraçada, nunca passei o dia dos namorados com a namorada. Sempre tinha algum imprevisto… E olha que oportunidade não faltou, sempre tive namoros “longos”.

Feliz dia das Namoradas!

12 Comentários leave one →
  1. 12 junho, 2009 5:27 pm

    Que meigo!
    Adorei a foto e Feliz Dia das Namoradas pra você também, Té.
    Beijos

  2. Ana Laura permalink
    12 junho, 2009 10:33 pm

    é tão triste deixar de ser romantica 😦
    adorei o texto e a foto.

  3. beh permalink
    13 junho, 2009 12:07 am

    O apelo comercial do dias dos namorados me incomoda, me deixa querendo fugir mais ainda…acho legal presentear, independente de datas.
    Qto. à definição de amor…a gente sabe qdo. chega e se instala, alguém nos toca de uma forma e o que mais queremos nessa hora é estar junto, compartilhar tudo. Concordo que a intimidade só é alcançada num relacionamento de amor, por isso buscamos isso a vida toda, como um alimento pra alma.
    Adorei o texto de comemoração..rs…

    bjs

    • Té P. permalink*
      13 junho, 2009 6:30 pm

      Valeu, Beh.
      Adoro dar presente, então não consigo esperar ‘datas’ pra fazer isso…
      Beijos!

  4. 13 junho, 2009 2:39 pm

    adorei o texto!
    comigo foi ao contrario, eu aprendi a ser mais romantica depois de alguns relacionamentos… e ate ontem eu tbm nunca tinha passado um dia dos namorados com a namorada.

    beijos

    • Té P. permalink*
      13 junho, 2009 6:31 pm

      Que bom que esse ano deu tudo certo =)

    • Té P. permalink*
      14 junho, 2009 5:55 pm

      Cara, não consigo comentar no seu blog.

  5. 13 junho, 2009 6:11 pm

    Tô aqui ouvindo Violet Hill-Coldplay,e pensando no que postar,já que não tô nadinha inspirada,e entro em seu blog,por que não dizer,entro em seu mundo,e vejo a foto linda,e o melhor texto que li sobre dia dos namorados.Perfect!!
    Tive várioooooooos,e de todo o tipo,todo mesmo,relacionamentos,e no fundo tudo que eu sempre quiz foi sentir que o outro me amava.No final das contas é só isso que importa mesmo,sentir-se amada,querida,importante pro outro.
    Nem fica triste por não estar ao lado do seu ser amado nessa data,isso é tão comercial.Lá vai clichê,todo dia é dia dos namorados!!
    Celebre sim todos os dias!

    • Té P. permalink*
      13 junho, 2009 6:58 pm

      Também acho bastante comercial, por isso fiz a brincadeira com o “rentável”.

      Obrigada mesmo, Kah!

      =D~

  6. 14 junho, 2009 6:03 pm

    Adorei o texto, a foto, enfim adoro este lugar, me sinto em casa.

    Bjos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: